Planner We Stuff 2019: Organize sua vida com estilo!

Comece seu ano com nosso planner gratuito!

A gente tem que dar conta da casa, do trabalho, da saúde e dos amigos. Temos hora marcada no médico, no dentista, na academia, enfim, temos hora pra tudo.
Caramba! Então, não é à toa que uma das reclamações mais comuns a minha volta é da falta de tempo. É muita coisa para fazer em apenas 24 horas por dia (sobretudo porque ainda temos que reservar um tempinho pro sono). A solução ? Nosso PLANNER 2019!

Mas calma que ninguém precisa enlouquecer com a correria do dia a dia! Contudo há formas de organizar nossa vida e otimizar nosso tempo.
Vocês já ouviram falar em planner?

Planner é uma ferramenta de organização do tempo e planejamento pessoal e profissional. Pode-se dizer que é uma mistura de agenda e calendário, assim você tem muito mais liberdade na hora de fazer suas anotações e organizar seus compromissos.

Há diversos tipos e modelos de planners, mas todos são focados em uma coisa: planejamento.

Se liga nessas dicas:

  • Defina metas diárias. Assim você não perde tempo pensando no que precisa fazer ao longo do dia.
  • Programe sua rotina semanal com antecedência para não perder prazos.
  • Mantenha seu planner sempre á vista, ele será muito mais útil se consultado com frequência.
  • Utilize cores para otimizar suas anotações

Uma boa dica para quem trampa com o computador é explorar os aplicativos que possibilitam a organização compartilhada (uma boa saída para escritórios, grupos de amigos e família), assim, todos podem conferir as atividades marcadas e ainda fazer comentários e observações.
Vale a pena dar uma conferida no Trello, um desses aplicativos que facilitam muitos nossas vidas! Eu, por exemplo, além do nosso planner uso diariamente o Trello!

planner grátis we stuff 2019

Aqui na We Stuff nós produzimos e disponibilizamos totalmente grátis um planner tematizado com nossos personagens: Willie, Simas, Etezera e a fofuxa da Uni! Todo mês logo no primeiro dia esses queridos invadem seu dia-a-dia para ajudar você a se organizar melhor, e claro, com muito estilo!

planner grátis we stuff 2019
Nossa equipe reunida para comemorar a volta do blog mais fofo da

Então se você ta pensando em dar uma UP na sua rotina e potencializar suas tarefas diárias não perde tempo e baixe nosso planner do mês AQUI.
É só imprimir e nós garantimos que seu dia-a-dia será muito mais mágico e organizado!

planner grátis we stuff

Beijos de Luz,
Equipe We Stuff! <3

como funciona powerbank

Powerbank: entenda como funciona o carregador portátil

Entenda como funciona a powerbank

Você passa muito tempo fora de casa e, por isso, está sempre usando seu celular. Mas, embora tenha o costume de sempre levar com você o carregador do aparelho, nem sempre encontra tomadas para recarregá-lo.

Se essa situação é recorrente em sua vida, então, você precisa muito de um carregador PowerBank. Você já deve ter ouvido falar nesse nome, e ele está se tornando cada vez mais comum.

Neste artigo explicamos o que é o PowerBank, como ele funciona e como escolher o modelo ideal para você. Boa leitura!

Como o PowerBank funciona?

Entenda como funcionam a powerbank

Uma bateria PowerBank é parecida com a de íons de lítio comum dos celulares atuais. A diferença é que ela funciona nos dois sentidos: receber e fornecer energia — tudo por meio de portas USB.

Ela é basicamente uma bateria de bolso, que não serve somente para celulares, mas também para tablets, GPS, câmeras fotográficas e MP3 players. Agora você pode usar seu aparelho móvel ou qualquer outro dispositivo que seja recarregável por um cabo USB por muito mais tempo com o Powerbank.

Esse dispositivo possui duas portas: uma para carregar ele mesmo e outra para conectar a outro aparelho. Quando precisar usar a carga do PowerBank é só conectá-lo ao seu celular e apertar um botão.

Quais modelos existem e como escolher o ideal?

Entenda como funciona a powerbank

Existem diversos modelos com diferentes mAh para você escolher, que podem variar de 2.500 até 20.000 mAh. Se você está se perguntando o que significa mAh, ele é uma unidade de medida chamada Miliampère-hora, que é, basicamente, a capacidade de bateria do seu aparelho e vem indicada no manual do fabricante.

O cálculo é bem intuitivo: se o seu aparelho possui uma bateria de 1.440 mAh, significa que se você adquirir um PowerBank de 3.350 mAh, você terá no mínimo duas cargas completas do seu celular. Ou seja, quanto maior o valor mAh, mais vezes seu telefone móvel poderá receber recargas completa.

Além do valor mAh, é necessário se atentar à voltagem e corrente de saída do carregador original do seu aparelho — esse número deve ser igual ou maior do que o do portátil.

melhor carregador portátil para você depende, então, de quanto tempo você passa fora de casa e quanto tempo você usa o celular.

Qual cabo devo usar?

Entenda como funciona a powerbank

Você pode usar o mesmo que já vem com seu aparelho, mas caso precise de um novo, os mais utilizados hoje são o cabo Lightning para dispositivos mais novos da Apple, de 30 pinos para os mais antigos da maçã, e Micro USB, que é usado para a maioria dos celulares de hoje como Samsung, Nokia, LG e outras.

Deu para notar que escolher o melhor carregador portátil para você é bem simples. Agora você pode passar horas ou, até mesmo, dias fora de casa e, ainda assim, continuar com seu aparelho conectado para não perder nada do que acontece no mundo. Não é à toa que até os famosos amam o PowerBank.

E aí, gostou do nosso post? Então, adquira um PowerBank para você agora mesmo, ele pode ser encontrado aqui na WeStuff, com preços justos e que cabem no seu bolso!

 

Moda primavera 2018: conheça as principais tendências

moda primavera 2018

Chegou a primavera, a época das flores. Uma das estações mais bonitas do ano, que antecede o tão aguardado verão. A época pede para guardar os casacos e investir nas tendências da moda primavera-verão. Você sabe quais são os destaques da estação? Então, continue acompanhando este texto e saiba tudo sobre a moda primavera 2018.

Esqueça os tamanhos padrões

moda primavera 2018

Isso mesmo! Aquela modelagem certinha e clássica está sendo substituída por padronagens diferenciadas. É o caso da camisaria fashion, que é a clássica camisa social de alfaiataria com recortes, decotes e amarrações. Ela também pode deixar de ser camisa e se tornar saia, vestido, top, tomara que caia, macacão e muito mais.

Outro item que também está fazendo sucesso em tamanho diferente é a bolsa. As microbolsas servem mais como acessório do que como bolsa mesmo, mas têm tudo para deixar sua produção incrível. São usadas na transversal, na altura do quadril ou da cintura.

Na moda primavera 2018, volte aos anos 80

A moda é formada por tendências que vêm e vão. Na primavera 2018, por exemplo, temos a volta dos ombros marcados. Seja com ombreiras ou mangas bufantes, essa marcação é bem-vinda nas  passarelas e entre as fashionistas. Porém, quem já tem os ombros largos deve evitar a estruturação, para não ficar over.

Outra forma de reviver os anos 80 é por meio da pantacourt — uma espécie de pantalona cropped —, que já faz sucesso entre as blogueiras e celebridades. Estampada e em tecidos fluidos, a peça é a cara da primavera-verão e deixa a mulher mais elegante.

E, por falar em tecidos, além das flores, você pode investir em estampas geométricas. É outra tendência dos anos 80 que está voltando, trazendo um toque lúdico ao visual. As listras também vêm com tudo, de forma colorida ou em dois tons. O navy continua em alta.

Invista nas sobreposições

moda primavera 2018

Misturar cores e texturas, criando sobreposições, deixa seu look muito mais divertido e personalizado. Mas, se você não quiser arriscar, pode usar peças com babados, pois eles dão movimento e trazem elementos femininos e românticos à produção.

Agora, se você já é adepta às sobreposições, fique atenta a esses dois termos: sleep dress tops bralettes. Eles já fizeram sucesso em estações passadas e continuam na moda. Mas o que são essas duas tendências? Calma, vamos explicar!

Sleep dress

moda primavera 2018

O termo, traduzido ao pé da letra, quer dizer vestido de dormir. Mas não vale pegar sua camisola e sair pela rua. O sleep dress é um vestido que lembra a camisola e além de estar super em alta para a moda primavera 2018, possui tecido, comprimento e caimento ideais para ser usado para sair. Tem alça fininha, tecido leve (seda ou cetim) e shape mais soltinho, com detalhes em renda.

Pode ser usado de dia ou à noite, de acordo com as combinações. Para o dia, amarre uma camisa xadrez na cintura ou vista uma camiseta básica por baixo. O tênis fecha o look com um ar despojado. Para a noite, use uma sandália ou bota e trabalhe com sobreposições, como blazer e casaco, deixando a renda à mostra.

Top bralettes

moda primavera 2018

O termo é usado para peças com lingerie à mostra. Pode ser uma camisa de algodão com a lingerie transparente por cima, uma camisa com ombro à mostra com a renda do top aparecendo ou até a lingerie com uma camisa transparente. O item provoca sensualidade.

Não esqueça do romantismo

moda primavera 2018

Claro que as estampas florais devem estar presentes, mas, nessa estação, a tendência é usar maxiflores e fundos mais escuros. As cores em destaque são o rosa e o azul serenity. O jeans continua sendo um coringa, com suas variações: lavagens diferenciadas e destroyed. Usando essas dicas, você vai arrasar em qualquer ambiente e suas produções farão sucesso nas fotos do seu Instagram. E por falar em maxiflores sobre fundo escuro, temos uma linda powerbank que super combina com essa tendência.

Agora, que você já sabe quais são as tendências da moda primavera 2018, use a criatividade. Faça um mix com roupas e acessórios que já possui no seu guarda-roupa e insira algumas peças da nova estação. Inspire-se nas cores, texturas e sobreposições e arrase no seu look! E, para deixar seus acessórios tecnológicos mais floridos, entre em contato conosco. Temos muitos produtos que vão impressioná-la!

6 novidades incríveis que você encontra no iPhone X

iPhone X

No mês de setembro de 2017 a Apple comemorou dez anos do primeiro iPhone, e para marcar o evento, a empresa lançou o iPhone X. Esse modelo é considerado o último projetado por Steve Jobs, falecido em 2011.

O novo aparelho tem tantas funcionalidades que deixa qualquer um com vontade de comprar. Neste post apresentamos 6 novidades do iPhone X para você ficar por dentro do assunto. Boa leitura!

1. Fim do botão home

iPhone X

Se você é um fiel usuário de iPhone provavelmente já estava acostumado com as diferentes funcionalidades do botão “home” do aparelho. Isso mudou no iPhone X.

Agora a navegação ficou mais intuitiva. Para acessar a tela inicial, deslize o dedo de baixo para cima; para ver todos os aplicativos abertos, você só precisa deslizar o dedo para cima, mas parando no meio do movimento.

E finalmente, para falar com a assistente Siri mantenha pressionado o botão lateral.

2. Desbloqueio por FaceID no iphone x

iPhone X

Talvez você já teve dificuldade em desbloquear o iPhone 7 pela sua digital com as mãos molhadas. Isso não será um problema no iPhone X, que conta a identificação facial para desbloquear o aparelho, o FaceID. O modelo tem a tecnologia TrueDepth que cria um mapa de profundidade do seu rosto.

No mapeamento, mais de 30 mil pontos são projetados no seu rosto. Isso impede que uma pessoa mal-intencionada utilize uma foto sua para desbloquear o aparelho. Além disso, o iPhone X dispõe de luz infravermelha invisível para que seu rosto possa ser identificado até mesmo no escuro.

Você deve estar pensando: “E se eu mudar meu cabelo, envelhecer ou colocar óculos?”. Não precisa se preocupar! O chip do aparelho usa aprendizado de máquina para perceber tudo que mudar na sua aparência.

3. Câmera TrueDepth

iPhone X

Nós já falamos que a câmera com tecnologia TrueDepth é responsável por mapear seu rosto para desbloqueio do aparelho. Essa não é sua única funcionalidade. A câmera permite que você tire selfies com efeito de profundidade, deixando seu rosto nítido e o fundo artisticamente desfocado.

Para melhorar ainda mais suas selfies, o aparelho conta também com filtros que criam efeitos de luz dignos de estúdio. Suas conversas agora podem ficar ainda mais divertidas com o novo recurso que transforma suas expressões faciais em 12 personagens divertidos, os Animojis.

4. Processamento mais veloz

iPhone X

O iPhone X tem o poderoso e inteligente chip A11 Bionic. Esse chip dispõe de seis núcleos que estão mais rápidos do que o A10 Fusion: os quatro de eficiência ficaram 70% mais velozes, e os dois de desempenho, 25% mais eficientes.

Além de maior velocidade, o chip conta com um processador neural capaz de reconhecer pessoas, objetos e lugares. Esse recurso é o que faz o FaceID e o Animoji funcionar.

5. Bateria AirPower

iPhone X

Apesar de toda a inteligência e velocidade, o iPhone X promete até duas horas a mais de uso de bateria do que o modelo anterior.

Se você está cansado de fios na hora de recarregar seu aparelho, anime-se: o modelo tem recarga sem fio! Você só precisa colocá-lo na base. E você ainda pode recarregar vários aparelhos ao mesmo tempo no mesmo carregador, sem que precisem ficar em um lugar específico da base.

6. Tela Super Retina e sem bordas

iPhone X

A tela do iPhone X foi projetada para criar uma tela HDR com proporção de contraste 1.000.000:1 e resolução de 2436 x 1125. O painel ainda acompanha o design do aparelho até o limite das bordas, graças as inovações que permitem que ele se dobre.

Se você já teve problemas para enxergar o conteúdo da tela, vai adorar a tecnologia True Tone, que usa um sensor de luz ambiente capaz de adaptar o tom de branco na tela de acordo com o nível de luz ao seu redor.

Enquanto lia este post ficou imaginando mil e uma utilidades que essas 6 funcionalidades teriam na sua vida? Não é para menos, com todas essas novidades do novo aparelho da Apple, o iPhone X, ninguém vai querer ficar de fora!

E aí, nosso post te ajudou a conhecer um pouco mais o iPhone X? Deixe seu comentário e compartilhe sua opinião sobre as novidades do aparelho!

Millennials: principais características dessa geração

ensino-a-distancia-o-futuro-da-geracao-millennials.jpeg

Uma pessoa que nasceu na era digital, com certeza, é uma mais conectada, cheia de expectativas e com novas maneiras de enxergar o mundo. Além da facilidade com computadores e smartphones, a nova geração é empoderada e mais preparada para as mudanças constantes e a quantidade de informação que chega todos os dias.

Se você nasceu entre os anos 80 e 2000, viveu (e ainda está vivendo) o “boom” da tecnologia e está em busca de novos estilos de vida, parabéns! Você faz parte da geração dos millennials!

Neste post, você vai saber quais são as características que fazem dos millennials uma geração única. Confira:

Busca de praticidade nas tarefas do dia a dia

geracao-z-e-millennials-como-conquistar-a-atencao-deles-1-1024x623.png

Rápido acesso a informação e facilidade nas tarefas : Seu celular pode ser um grande aliado.

Por causa da facilidade de acesso às informações, os millennials estão crescendo junto com os avanços tecnológicos e quase sempre estão presentes em ambientes urbanizados, cheios de vida (tecnológica, é claro!).

Com as informações a um clique de distância, eles encontram novas utilidades em produtos antigos e nas formas de se fazer algo. Você já percebeu o quanto avalia e considera diferentes possibilidades antes de fazer uma coisa nova?

Essa é uma das características que mais chamam a atenção na geração atual, uma vez que a adaptação às mudanças sempre foi um problema para os mais velhos. Não só isso, mas os millennials também são ótimos influenciadores para as gerações anteriores. Quem nunca parou para ensinar a mãe ou um tio a mexer no Facebook, no “Zapzap” ??

Preocupação com a própria saúde e bem-estar

people-2592247_640

Os jovens do século XXI estão interessados em procurar novas formas de fazer as tarefas do dia a dia, mas não de qualquer jeito.

O acesso ao conhecimento em qualquer hora e lugar cria uma nova realidade, mais conectada. Assim, os millennials têm o talento de juntar lazer e obrigação em uma mesma atividade, sem problemas.

Abertura para os laços de amizade (online)

Resultado de imagem para facebook e instagram

Facebook e Instagram : As interações geradas por essas redes sociais estão sendo cada vez mais exigidas pela galera dessa geração.

Não é segredo para ninguém que todo mundo quer ser reconhecido por aquilo que faz. Para os millenials, isso nem sempre precisa acontecer em forma de dinheiro, como nas gerações anteriores. Às vezes, uma simples curtida no Facebook ou uma mensagem no Instagram já podem demonstrar muito!

Uma das coisas que fazem as pessoas da nova geração pensarem diferente das anteriores é que elas são mais abertas ao diálogo — mesmo que seja pelo Whatsapp ou Messenger. As relações acontecem na maior parte do tempo online, mas, de maneira nenhuma, isso quer dizer que não queiram criar laços. Pelo contrário, querem se conectar a tudo e a todos!

Quando falamos “todos”, não estamos pensando só nas pessoas que estão ali, nas redes sociais, mas também na interação com as marcas. Os millennials não querem uma relação superficial com as pessoas e as coisas. Mesmo que pelas mídias sociais, eles vão sempre encontrar maneiras de criar experiências reais.

Os jovens querem ser amigos das empresas e, é claro, cada vez mais, que elas deem o máximo para serem inovadoras. Afinal de contas, os millennials estão preparadíssimos para experimentar qualquer novidade!

Smartphones como uma extensão do corpo

999.jpg

Cansados do tradicional, os smartphones permitem ir para praticamente qualquer lugar em questão de segundos. Já não dá mais para viver sem ele! Você duvida? Então, imagine um dia sem poder fazer sequer uma pesquisa rápida no Google. Dá para aprender de quase tudo sem precisar sair da telinha!

A busca por formas práticas de fazer as coisas faz com que os millennials queiram produtos e serviços que atendam as suas exigências. Eles não se importam em pagar mais, desde que suas expectativas sejam atingidas.

Enfim, questionamento de si e dos outros

4227.jpg

Os mais novos possuem uma grande tendência de analisar, pesquisar e questionar — tudo de maneira bem criteriosa. Eles não estão muito afim de seguir regras com as quais não concordam. Se você parar um pouquinho para uma autoanálise, vai perceber o quanto é exigente.

Por isso, os millennials usam da criatividade para flexibilizar e mudar as normas, em busca dos melhores resultados. Se não surtir nenhum efeito, você parte para outra, é ou não é?

Deu para se enxergar nas características de millennials descritas aqui? Então, compartilhe este post nas suas redes sociais e deixe que mais pessoas se identifiquem. Falows!

 

Veja 8 dicas para planejar um mochilão e curtir muito

planejar um mochilão

Confira algumas dicas que te ajudarão na hora de planejar o seu mochilão

Deseja planejar um mochilão, mas não sabe por onde começar? Calma, isso é supernormal. Fique tranquilo e com calma, siga nossas dicas de como planejar um mochilão.

Tenha em mente que pensar no destino, roteiro, hospedagem e orçamento são os elementos fundamentais para planejar um mochilão.

Se você tem dúvidas, fique tranquilo ,pois esse texto foi preparado para você.

1. Descubra qual o seu estilo de mochilão

planejar um mochilão

Decidir qual o estilo de lugar no qual você deseja estar é fundamental para o desenrolar do seu planejamento

Primeiro de tudo, você precisa descobrir o que gosta para definir o estilo do seu mochilão. Prefere ficar dias na natureza, se aventurando em atividades como trekking e cachoeiras? Ou prefere algo mais urbano, como visitar museus e restaurantes e fazer compras?

2. Defina o destino e o tempo para a viagem

planejar um mochilão

Calcule o tempo e destinos em que você imagina visitar para aproveitar sua viagem da melhor maneira possível

Após descobrir o seu estilo de viagem, liste lugares que gostaria de conhecer. Pesquise e se informe bastante sobre os lugares para ajudar na escolha. O site da Rede Brasileira de Blogueiros de Viagens e o fórum Mochileiros são boas opções para pesquisa. Com a escolha do destino, defina o tempo disponível para realizar a viagem.

3. Saiba o que avaliar ao montar um orçamento

planejar um mochilão

Além de juntar aquela grana, é ideal fazer diversos orçamentos antes de viajar

Verifique quais os meios de transporte disponíveis para chegar ao destino e o custo de cada um. Identifique os principais pontos que deseja conhecer e veja qual a melhor região para a hospedagem. Conheça os preços dessa área: restaurante, hostel, hotel, entre outros.

Se a viagem for para o exterior, consulte o valor da moeda local e das taxas de câmbio para ter uma base. Um seguro viagem também é muito útil e, na maioria dos países da Europa, obrigatório.

Ingressos para pontos turísticos e deslocamentos internos como trem, barco, carro e avião devem ser calculados. Se possível, compre com antecedência para evitar imprevistos. Às vezes sai até mais barato, você evita filas e otimiza o tempo.

Colocando tudo no papel (ou em uma planilha), fica fácil de ter uma visão ampla dos seus objetivos. Cruze essas informações com seu orçamento e veja se é preciso fazer alguma adaptação. Deixe uma quantia destinada a imprevistos. Caso aconteçam, você estará preparado.

4. Crie o seu roteiro

planejar um mochilão

Planejar o seu roteiro é essencial e evita possíveis transtornos em sua viagem

Liste as cidades e atrações que deseja incluir na viagem; o tempo e o deslocamento entre elas; os locais onde deseja se hospedar; opções de restaurantes e lojas para visitar. Depois, distribua esses itens durante os dias disponíveis para a viagem.

Deixe espaços livres. Se acontecer algo fora do planejado, você terá tempo para se organizar novamente. E se surgir algo novo, você pode usar o seu tempo livre.

5. Tenha itens fundamentais

planejar um mochilão

Estar com seu celular sempre carregado é essencial durante sua trip, confira alguns carregadores portáteis aqui

Documentação e passaporte em dia, com cópias autenticadas para uma emergência, é um cuidado que todo turista deve ter. Como o próprio termo sugere, leve uma mochila. Coloque nela: tênis confortável, carregador portátil, remédios, porta-dólar e contatos de familiares e amigos próximos.

6 – Seja flexível com a hospedagem

O objetivo do mochilão é conhecer e aproveitar bem o máximo de destinos possíveis. Portanto, a hospedagem não é o item mais importante. Seja flexível e esteja aberto a ambientes compartilhados, como hostel e albergue. Além de serem mais baratos, eles possibilitam uma troca cultural muito maior do que em hotéis.

7. Identifique a melhor forma de usar o dinheiro

planejar um mochilão

Invista em moedas onde você tenha que pagar o menor imposto possível

Viajando para o exterior, o ideal é levar dólares e euros para trocar nas casas de câmbio do destino. Isso porque o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) costuma ser alto e você terá que pagar por cada movimentação da sua conta.

8. Tenha paciência para planejar um mochilão

planejar um mochilão

Planejamento + paciência : A chave para um bom mochilão sem transtornos

Um mochilão leva tempo, desde o planejamento até a execução. Pesquise, se informe e calcule com calma. Aproveite para ir economizando. Toda essa paciência será transformada em uma viagem inesquecível e, no fim, todo o esforço valerá a pena.

Colocando tudo no papel, você descobrirá quanto terá que gastar, qual o valor disponível e, assim, definirá o orçamento que guiará o roteiro da viagem. No fim, você terá orgulho de planejar um mochilão. A viagem terá muito mais valor porque você terá participado de todo o processo. Essa experiência proporcionará momentos únicos e inesquecíveis.

Para saber mais sobre a hospedagem compartilhada citada nesse texto, confira o texto melhores hostels: conheça os 10 mais descolados do mundo.

Moda sustentável: 4 acessórios feitos de bambu

moda sustentável

Com uma idéia sustentável e criatividade é possível se criar vários objetos feitos de bambu

A sustentabilidade já é um conceito bastante difundido na sociedade e que faz parte da filosofia de várias empresas e organizações. Com isso, são descobertos, diariamente, novos manuseios e finalidades para os materiais biodegradáveis. No universo fashion, por exemplo, a nova descoberta da moda sustentável é o bambu!

O bambu é um material resistente, renovável e que pode substituir a madeira em várias situações. Com ele, é possível confeccionar móveis, utensílios domésticos, adornos para a casa, tecidos, pisos, revestimentos e, pasme, até mesmo eletrônicos.

O assunto te interessou? Quer conhecer mais sobre o mais recente queridinho da moda sustentável? Então continue sua leitura e confira os 4 tipos de acessórios feitos com bambu que mostraremos no post de hoje. Vamos lá!

1. Tecidos

moda sustentável

Além de linda, essa bolsa da Rosa Pollen é 100% feita de material sustentável

Muitos tecidos, como o poliéster, são fabricados a partir de fibras vegetais, dispensando materiais artificiais. No entanto, nem sempre isso significa que são produtos orgânicos e biodegradáveis. Para isso, é preciso considerar todas as condições, desde a extração da matéria-prima até o descarte.

No caso do bambu, ele é altamente sustentável, ao passo que ele se torna material de compostagem e serve de adubo quando o objeto inicial já não está mais em condições de uso. Maravilha, não?

Nesse sentido, podemos pensar para além de roupas: ele também pode ser utilizado em mochilas, bolsas, cortinas, tapetes, capas de almofada e tudo que sua criatividade e imaginação permitirem fazer com os tecidos feitos de bambu.

2. Móveis e decoração

moda sustentável

Podendo ser usado em quase todos os cantos de casa, o Bambu também serve como matéria-prima de lindos objetos de decoração.

As opções para o uso do bambu na decoração de uma casa são infinitas! Ele pode ser usado como revestimento nas paredes, tanto na horizontal quanto na vertical, ainda em formato roliço, seguindo o estilo oriental. É também um bom material para forros no teto, por tapar bem o sol e proporcionar um bom isolamento de som, e para a confecção de pisos, sendo eles mais resistentes devido ao elevado teor de fibras.

Mas as ideias não param por aí: o bambu também pode ser a base para móveis diversos, como camas, sofás, mesas, cadeiras e estantes, entre vários outros. As vantagens vão desde a durabilidade até o peso reduzido dos acessórios feitos com esse material — sem falar, claro, dos benefícios para o meio ambiente.

3. Acessórios eletrônicos

Engana-se quem pensa que produtos naturais não podem se misturar com a tecnologia. Muito pelo contrário: essa é a maior tendência sustentável!

Com isso, é possível encontrar capas de celular, mouses, teclados e até mesmo caixas de som feitas em bambu. Além de todos os benefícios de resistência e durabilidade do bambu, temos de admitir que esses acessórios de bambu ficam lindos e bastante refinados!

4. Utensílios diversos

moda sustentável

Utensílios de cozinha feitos de bambu : Sofisticados e higiênicos.

Seja na cozinha (talheres, porta-garrafas, vasilhas, descanso de mesa, tábuas, bandejas) ou no banheiro (saboneteiras, porta-escova, gancho para toalhas), o bambu é um material sofisticado e que possui um agente natural antibacteriano, tornando-se perfeito para esses dois ambientes que exigem uma limpeza diferenciada.

Além disso, é possível pensar em alguns produtos e acessórios de beleza feitos em bambu, como pentes, cabos de escovas e até armações de óculos.

Como você pôde ver, o bambu é bastante versátil e suas condições ambientais são ótimas, uma vez que tem rápido crescimento e é autorrenovável — pois não precisa de replantio depois da extração, caso a raiz se mantenha intacta. Devido a essas características e à elegância do material, nada mais justo que ele estar cada vez mais inserido nas tendências da moda sustentável como o queridinho do eco chic!

Se você adorou as peças feitas com bambu e não vê a hora de aderir a essa moda, que tal conferir os modelos de capas de celular feitas desse material? Escolha uma que é a sua cara e dê mais esse passo para ajudar a manter o nosso planeta!

Como nasceu a semana do saco cheio? Entenda aqui

semana do saco cheio

O fim do ano está mais perto, o vestibular está quase aí e as provas finais também não estão longe. Você provavelmente já deve estar cansado de toda a correria de estudos durante os semestres, não é mesmo?. A semana do saco cheio pode ser a solução para você relaxar!

Pensando nisso, no post de hoje contaremos um pouco mais sobre esse feriado, como ele surgiu e foi ganhando força aqui no Brasil. Continue lendo para descobrir!

História da semana do saco cheio

semana do saco cheio

A semana do saco cheio, também conhecida como Semana da Primavera, acontece em outubro, entre os feriados nacionais de Nossa Senhora de Aparecida (12), também Dia das Crianças, e o Dia do Professor (15). Essa pausa não é oficialmente adotada no calendário de escolas, universidades ou cursinhos, mas milhares de estudantes brasileiros a aproveitam para viajar ou descansar.

Muitas escolas fazem excursões para os alunos do 3º ano do Ensino Médio como parte da comemoração de formatura. Também há instituições que promovem atividades culturais para evitar a evasão de estudantes, aproveitando a semana como um momento de lazer e conhecimento.

O feriado no Brasil e outras curiosidades

semana do saco cheio

Porto Seguro é um dos locais mais tradicionais quando o assunto é a semana do saco cheio

Esse recesso surgiu em 1982 no país, e começou como uma invenção de estudantes universitários, que já estavam cansados dos estudos a essa altura do ano e resolveram emendar a semana para descansar. Contudo, também há uma ligação com um feriado alemão. Vamos ver qual é?

Neste período, há as Férias da Batata na Alemanha, que duram duas semanas. Inicialmente, esse feriado foi deflagrado na zona rural do país para que as crianças pudessem auxiliar os pais na colheita dos vegetais. Hoje em dia são as férias de outono dos alemães — o ano letivo na Europa começa em setembro, depois das férias de verão.

Conforme já foi mencionado, muitas escolas aproveitam para promover viagens nesse período como parte da formatura de alunos do último ano do Ensino Médio. Um pacote muito popular é o de Porto Seguro, onde há vários shows e programações especiais para essa data, chegando a ser considerado um Carnaval fora de época.

A “outubrite”

semana do saco cheio

Quando outubro chega, o cansaço e o stress batem forte nos estudantes. A “outubrite” é um tipo de crise na qual o aluno, normalmente do Ensino Médio, tende a questionar suas habilidades e acha que não vai passar no vestibular por não saber o suficiente.

Ainda que estejam preparados, é comum que vestibulandos se sintam despreparados nessa época, já que é quando o processo seletivo de muitas universidades começa.

Segundo o coordenador pedagógico Clayton Ferreira de Figueiredo, do colégio Singular Anglo em Santo André/SP, não é aconselhável que o aluno deixe os estudos de lado na semana de recesso, ainda que viaje. Ele pode aproveitar o tempo livre para ler um livro do vestibular ou resumos das matérias para que não perca totalmente o ritmo das aulas.

No entanto, é importante que a Semana da Primavera também seja um tempo de descanso. Caso não viaje, aproveite para sair com os amigos, dormir até mais tarde, ir ao cinema e usar seu tempo livre para fazer coisas que te relaxem, assim você voltará mais preparado para a reta final do ano.

Então, curtiu saber mais sobre a semana do saco cheio? Lembre-se de aproveitá-la da maneira que atender melhor suas necessidades: se tiver muita matéria atrasada, não se desespere, aproveite o tempo e estude. Se for viajar, leve seus livros e um pouco da matéria com você para fazer uma revisão.

Divertir-se é importante para aliviar o stress e, estando mais relaxado, você conseguirá se concentrar melhor nos estudos. Se você gostou do nosso conteúdo, aproveite para compartilhá-lo com seus amigos nas redes sociais.

Caixa de som portátil: por que elas são indispensáveis?

Caixa de som portátil

Caixa de som portátil

Pop, rock, samba, sertanejo universitário, funk, axé, rap, música clássica ou eletrônica. Não importa o seu ritmo favorito, se você gosta de música vai adorar a caixa de som portátil, dispositivo que pode deixar o seu dia muito mais divertido em alto e bom som.

Com a facilidade de escutar música por streaming, usando serviços como Spotify, Apple Music, Google Play Music e entre outros, o smartphone ajuda a animar qualquer ambiente, inclusive festas. E para que mais pessoas possam se divertir, é preciso contar com uma caixa de som potente e portátil.

Por quais os motivos as caixas de som bluetooth são indispensáveis? Como escolher a melhor versão? É o que vamos descobrir a seguir!

Portabilidade

Resultado de imagem para caixa de som portatil waterproof

Para quem gosta de levar o seu som para qualquer lugar, essas caixinhas podem ser usadas até durante o banho, pois são a prova d’água.

Organizar uma festa ou ouvir música na praia pode ser complicado para quem não tem uma caixinha de som para smartphone, pois o áudio emitido pelo alto-falante do celular não é muito potente, mesmo nos melhores modelos, enquanto os fones de ouvido são para uso individual.

Já com a caixa portátil bluetooth fica muito mais fácil levar diversão para suas festinhas, permitindo à música se espalhar pela casa, salão de festa, beira da piscina ou do mar com muito mais potência e qualidade.

Gosta de ouvir música durante o banho? As caixas de som portáteis também são ótimas para ajudar nessa tarefa, já que alguns modelos são à prova d’água e contam com alcance de sinal com vários alcances.

Qualidade sonora excelente

Resultado de imagem para beats pill

Caixa de som portátil Beats Pill, uma das caixas que possuem melhor qualidade sonora.

Ouvir música sempre é bom, deixa tudo mais animado, divertido e fica ainda melhor quando a qualidade do som é excelente, algo que pode ser proporcionado pelas caixinhas portáteis.

Elas contam com recursos e tecnologias para tratar o som, deixando-o puro para agradar aos ouvidos mais exigentes, permitindo ouvir música de um jeito prático e em alta qualidade, nas mais variadas ocasiões.

Deixam as festas mais animadas

Resultado de imagem para caixa de som com luzes bluetooth

A caixa de som Ion, Possui um jogo de luz que vai deixar sua festa ainda melhor.

Festa sem música não é festa, concorda? Para animar os convidados você precisa ter uma caixa de som bluetooth potente e preparar uma playlist com os maiores hits do momento.

Outra vantagem é o suporte à conexão simultânea de vários dispositivos, permitindo aos convidados reproduzir as músicas armazenadas em seus celulares, ou seja, todo mundo pode atuar como DJ.

Vale lembrar também das luzes interativas, recurso encontrado em determinados modelos, que mudam de cor conforme a canção tocada ou a iluminação do espaço, efeito para animar ainda mais a festa.

Possibilidade de uso em outros dispositivos

Imagem relacionada

A JBL Boost TV possui integração com diversos dispositivos.

Não é só com o smartphone que as caixinhas funcionam, elas servem também para tocar músicas do notebook, tablet e outros dispositivos, conectando-se a eles via bluetooth, Wi-Fi ou cabo auxiliar.

Algumas versões aceitam ainda pendrive e cartão de memória — dependendo do modelo, o gadget pode ser usado até mesmo para amplificar o som da TV.

Funções extras

Ainda não se convenceu de que a caixa de som portátil é indispensável? Se você usa muito o celular, ela pode te ajudar em várias outras situações, como recarregar e aumentar a duração da bateria do celular, oferecendo horas a mais para tirar fotos, gravar vídeos e acessar as redes sociais, mesmo longe das tomadas.

Alguns modelos podem ser usados inclusive no carro, como viva voz para atender ligações e para acessar vários recursos por meio dos comandos de voz. E como elas estão disponíveis em diferentes tamanhos, formatos, cores e estilos, melhoram até a decoração de ambientes.

Dicas para escolher a melhor caixa de som portátil

Resultado de imagem para Dicas para escolher a melhor caixa de som portátil

Saber escolher uma boa caixa de som evitará frustrações quando você precisar ouvir suas músicas.

Como escolher a melhor opção? Na hora de comprar, leve em conta as seguintes características:

  • boa potência sonora;
  • leveza, facilitando a portabilidade;
  • bateria de longa duração;
  • alta qualidade de som e acabamento;
  • facilidade de uso;
  • resistência à água;
  • bluetooth e outras conectividades;
  • funcionalidades extras (carregador portátil, viva voz, etc).

Com todos esses recursos ela se torna uma grande aliada dos amantes de música e também dos apaixonados por tecnologia.

Viu como vale a pena investir na compra de uma caixa de som portátil? Se você ficou interessado em um dispositivo como esse conheça o X-Power Plus, gadget que funciona como caixa de som e carregador portátil para celular, com capacidade para reproduzir mais de 15 horas de música.


Movimento slow life: uma nova filosofia de vida

slow life

Você acha que a sua vida é muito corrida e que sua rotina consiste em apenas sobreviver, sem viver realmente? Por todo o mundo, e especialmente nas grandes cidades, diversas pessoas que estão num ritmo frenético também possuem essa mesma sensação. Para ajustar isso, foi criado o movimento slow life.

Saiba mais sobre o que é o slow life e descubra como viver no seu próprio ritmo lendo este post!

O que é esse movimento?

slow life

Slow life é um novo tipo de pensamento, uma filosofia de vida que desafia a vida corrida, a cultura do excesso e da velocidade. O que esse movimento prega é que passemos a viver com mais qualidade de vida, adequando o nosso ritmo para que tenhamos bem-estar, crescendo como indivíduos e ajudando no desenvolvimento social e cultural da comunidade.

Ele foi se desenvolvendo como resposta aos inúmeros problemas de saúde e sociais que o ritmo de vida acelerado têm nos causado. Hoje, o número de pessoas severamente estressadas cresceu consideravelmente, temos mais jovens ansiosos para serem os melhores e adultos mais depressivos por não terem alcançado o sucesso antes dos 30.

Mas a verdade é que a nossa vida não precisa ser dessa forma, podemos desacelerar, fazer apenas o que é mais importante e, assim, seguir uma rotina mais compatível com uma vida saudável.

Como o movimento slow life funciona?

slow life

A ideia aqui é usar o tempo de maneira equilibrada e montar propostas para aproveitar os momentos de uma forma mais prazerosa. A palavra de ordem é desacelerar.

Esse movimento começou na Itália com o nome de slow food, e buscava combater o excesso de fast food que tomava conta do mercado de alimentos em 1986. Depois, os conceitos foram aplicados a tudo nas nossas vidas.

O ponto-chave aqui é questionar-se. Pergunte-se qual o propósito de vida para esse ritmo frenético, o que você ganha com isso e se está realmente valendo a pena. Pare para refletir se a vida que você tem hoje é realmente de qualidade.

Como começar a seguir o slow life?

1. Passe mais tempo offline

 

slow life

Ficar conectado 24 horas por dia não é algo saudável. O nosso cérebro não comporta tantas informações e é por isso que nos distraímos tão facilmente quando precisamos realizar algo que exige nossa concentração.

Você não precisa estar disponível o tempo todo. Deixe o celular um pouco de lado e vá fazer outras coisas mais interessantes, como ir ao cinema com a família ou jantar com os amigos.

2. Pratique exercícios

slow life

Tire um tempo para cuidar da sua saúde, afinal, sem ela, não conseguimos fazer muita coisa. Portanto, comece a praticar exercícios!

Entre caminhada, corrida, dança, tênis, yoga e futebol, a modalidade não importa. O essencial é que não haja cobranças e que o momento da atividade física seja algo prazeroso.

3. Faça uma tarefa de cada vez

books

Já está comprovado que o cérebro não consegue se concentrar em mais de uma tarefa ao mesmo tempo. Portanto, se você quer que algo saia bem-feito, procure fazer uma coisa de cada vez.

Ao fazer várias tarefas em um espaço curto de tempo, a produtividade e a qualidade do trabalho diminui. Então, a melhor opção é desacelerar e focar em apenas uma atividade por vez.

4. MEDITE

slow life

Está querendo melhor ainda mais o estilo de vida e abraçar o Slow Life? Sugerimos meditação diariamente. Caso não seja adepta, nós temos um roteiro que pode ajudar a começar.

Passo 1
: Comece a reservar minutos do dia somente para você. Pode ser para ouvir uma música que goste, que te relaxe; A idéia aqui é relaxar e não pensar em nada.

Passo 2
: Temos 2 apps de meditação guiada testados e aprovados. O primeiro é o app ZEN, que possui meditações para alguns momentos do dia, além de outras funções como sons relaxantes e até músicas com experiência 3d. É ideal para quem está começando, pois conta com meditações a partir de 4 minutos. App disponível para IOS e Android na versão grátis ou paga.
O outro app é o VIVO MEDITAÇÃO. Ele também é indicado para quem quer começar na arte de meditar. As meditações podem ter 5, 10 ou 15 minutos. Você escolhe a melhor para o seu momento. App disponível para IOS e Android na versão grátis ou paga.

Quer saber mais sobre o movimento slow life e receber todas as novidades sobre o assunto? Então assine a nossa newsletter!

[contact-form][contact-field label=”Nome” type=”name” required=”1″ /][contact-field label=”Email” type=”email” required=”1″ /][/contact-form]